segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Crítica de Filme - Robin Hood


Quem pensou que esse novo filme, Robin Hood seria uma adaptação cinematográfica da vida de salteador virtuoso do arqueiro lendário, se engana. Robin Hood do conceituadíssimo diretor Ridley Scott é uma espécie de origens desse arqueiro que não sabemos se já existiu ou não, e antecede aos acontecimentos e explica o por que de ele se tornar um fora da lei.


Robin Hood : foto Cate Blanchett, Russell Crowe

O filme, tenho que dizer, é épico, apesar de ter alguns pontos negativos no meio da trama. Muita gente não gostou do filme, mas eu sinceramente achei bem legal o enredo. O ator Russel Crowe soube encarnar bem o arqueiro, mas ao longo da resenha irei explicar bem sobre os pontos positivos e negativos do filme.

Robin Hood : foto Russell Crowe

Como disse, a história é uma espécie de origens. O filme termina, bem, na melhor parte, que é quando Robin Hood se transforma num fora da lei. Bem, isso pode ser algo bem chato, mas temos que levar em consideração que esse filme é um origens, ou seja, você encontrará nele a explicação para que Robin Hood se transforme no salteador virtuoso.

Robin Hood : foto

Pois bem, o filme começa já com uma batalha, e Robin Longstride - Russel Crowe - ingressa no exército do rei Ricardo Coração de Leão - Danny Huston - e eles estão em plenas cruzadas. Quando o rei morre, Robin consegue escapar com alguns amigos do exército. Já Sir Robert Loxley - Douglas Hodge - que tinha a missão de levar a coroa do rei a Londres é atacado por Godfrey - Mark Strong - um inglês que serve secretamente aos interesses do rei Felipe, da França. Robin e seus companheiros encontrou, à beira da morte, Loxley, que pede ao outro que entregue a seu pai uma espada tradicional de família. Robin aceita a missão, e vestido como se fosse um cavaleiro real, parte para Londres. Quando entrega a coroa ao príncipe João - Oscar Isaac - que é nomeado rei, Robin parte para Nottingham. Lá conhece  Sir Walter - Max von Sydow - e Marion - Cate Blacnhett - , respectivamente, pai e esposa de Loxley.

Robin Hood : foto Russell Crowe

Paro por ai, pois depois disso seria spoiler. O que tenho a dizer é que se vermos Robin Hood por um lado, vamos aplaudir de pé. A atmosfera medieval é bem palpável, e todo o cenário bem convincente. Ressalto também as batalhas épicas que são travadas ao longo do filme. Não são cansativas, e Ridley Scott cuidou bem delas. A fotografia é quase perfeita, e a estética do filme muito boa. Por esse lado o filme é muito positivo.

Robin Hood : foto Russell Crowe

Mas por outro, nem tanto, não que eu queria dizer que foi ruim. As atuações. Russel Crowe é um ótimo ator, e os filmes dele são basicamente legais. Mas como Robin Hood o autor não foi muito bem sucedido não. É como se ele estivesse numa corda bamba. As vezes ganhava equilíbrio e em certas cenas encenava bem. E as vezes estava quase caindo, e parecia que ele travava e não convencia como Robin Hood. Não quero passar uma imagem negativa do ator, mas ele bambeou as vezes nesse filme, mas não foi tão ruim, mas também, nem tão bom. Regular. O resto do elenco interpretou como devia os seus papéis como coadjuvantes, mas não achei que tiveram tanto destaque, apenas Cate Blacnhett, que interpretou a esposa de Robin, Marian.

Robin Hood : foto

O filme todo foi muito legal, e acho que é mais para curtir. Não tenha muitas expectativas, apenas se divirta, pois apesar de seus altos e baixos, esse origens do Robin Hood foi espetacular em um de seus aspectos.

Robin Hood : foto

Sobre o Filme:

Robin Hood
  • Lançamento:
     (2h 20min) 
  • Dirigido por:
    Ridley Scott
  • Com:
    Russell Crowe, Cate Blanchett, Max von Sydow
  • Gênero:
    Aventura , Ação
  • País:
    Reino Unido , EUA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...